mandando a real

Há muito tempo que um aluno vinha acompanhando os posts aqui no blog sobre literatura, da minha participação em eventos, palestras, da escrita de resenhas, entre tantas frentes desse campo artístico.
Ele foi muito educado, ao mesmo tempo curioso:
— E aí, fessô, cê curte esse lance de ser escritor?
— Meu caro, a vida de um escritor se resume em LUTA.
— Como assim?
— Simples. Para que o livro chegue até você, impresso ou no formato digital, é uma BATALHA. E quem começa brigando é o ESCRITOR.
Continuei a exposição: primeiro, a gente briga com as ideias, “luta com as palavras”, escreve  e reescreve de modo exaustivo um determinado gênero textual. Depois do trabalho concluído, a gente envia para algumas editoras e, de início, recebemos um NÃO de modo eufemístico, disfarçado nas mensagens automáticas e desculpas já bem conhecidas (mas é preciso entender também o lado das editoras, porque de fato escrevemos muitos textos que merecem ir para a lata de lixo).
Caso o livro seja aprovado, a gente trava outra briga com o editor. E você pensa que acabou? Tem luta com as livrarias que nem sempre dão atenção ao seu título, pois há outras CAPAS mais interessantes, entende? E no meio de tudo isso nós corremos o risco de morrer sem nenhum reconhecimento e muito menos postumamente.  
— Entendeu um pouco “a real” da vida de escritor?
— Nossa, fessô, a parada é sinistra, hein?
— Mas respondendo a sua primeira questão, Jorge, eu curto por demais esse lance de ser escritor. Mais do que você imagina. Talvez na mesma proporção que você curte música. Do tipo assim...não dá para ficar sem, entende?
— Tipo todo dia? Porque eu tenho...
— Tipo....tipo...todo dia. Eu também escrevo praticamente todos os dias. Claro que não é sempre a mesma história: conto, crônica, novelas, relatos. Escrevo o tempo todo.
— Entendi, fessô.
— Na verdade não consigo viver sem, mesmo diante de todos os desafios; porque se eu fosse escrever, pensando apenas na publicação, venda de livros, reconhecimento da imprensa nacional, certamente eu já teria desistido...







+