Dica 4: no aeroporto



Viajar a passeio é sempre muito bom, mas há outras viagens: a trabalho, por motivos de força maior, de imediato....

Em se tratando de viagem, meu amigo, caso você tenha que ir ou voltar de avião, certamente vai ter tempo de sobra para ler e até sonhar com os enredos lidos. Refiro-me somente ao tempo gasto nos aeroportos.

Você já viajou de avião alguma vez? Pois bem, quando surgir a oportunidade, não deixe de dar uma espiadinha nas livrarias dos aeroportos, ok? Os empresários desse ramo estão muito antenados para o “fenômeno da leitura” ($).

Tenho dois amigos que já leram mais de uma dezena de romances, durante as viagens. Recentemente, uma jornalista comentou que foi possível ler o romance “Nossos ossos”, do Marcelino Freire, em apenas um voo.


Com este texto, encerro a série de dicas de leitura da Campanha "Onde você lê?" Ressalto, porém, que há dicas que não posso listar aqui. E imagino também que você tenha outras sugestões de espaço de leituras.

Está campanha foi iniciativa do Projeto "Livros em todo lugar". 


+