Redação 2014: um parecer

"John Experdião, 17, diz ter previsto o tema da redação" 
Contrariando a opinião de muitos colegas da área de Língua Portuguesa e também de milhões de candidatos, eu gostei do tema da Redação do ENEM 2014: “Publicidade infantil em questão no Brasil”.

No Portal do G1, uma candidata chegou a reclamar que nunca tinha ouvido falar do tema. Será mesmo? Não reside aí um pouco de exagero? A questão é que a proposta desta edição surpreendeu a todos, em especial, aqueles alunos/professores que estavam com os esquemas armados e com as suas respectivas listas de propostas de intervenção para cada tema provável.

Agora, aguentar alunos e professores reclamando que o tema deveria ser mais abrangente, que a proposta tinha que ser mais discutida na mídia...não está sendo nada bacana.  Ah, quer dizer, então, que para cair no ENEM tem que ser amplamente divulgado nos meios de comunicação? (O tema de 2014 merece muitas discussões).

Por outro lado, penso que tanto a proposta de redação deste ano como a do anterior está sinalizando outro tratamento para com a disciplina de Redação. Não acha?

Talvez se preocupássemos menos com os temas do Exame e mais com a estrutura, bem como os elementos que compõem um texto dissertativo-argumentativo, provavelmente, não haveria tanta surpresa. O grande desafio é estar preparado para redigir a respeito de quaisquer propostas. E como fazer isso?


Em 2015, a pedido de alguns brothers, estou pensando em compartilhar umas dicas por aqui. O que você acha da ideia? 

Imagem disponível em: <http://educacao.uol.com.br/noticias/2014/11/09/dei-risada-diz-candidato-de-sp-que-previu-tema-de-redacao-do-enem.htm> 
+