Gratidão, meu irmão!

Confesso que, até pouco tempo atrás, eu andava mais desligado com as datas comemorativas, em especial, o aniversário de alguns amigos e conhecidos. Esquecia mesmo. Não vou mentir.
No meu aniversário, comemorado ali no mês de julho, tive uma enorme surpresa: centenas de pessoas me cumprimentaram via redes sociais, pelo e-mail, pelo telefone. Levei um maravilhoso susto com o fato de os brothers terem lembrado da data. E isso me deixou muito feliz.
Desde esse dia, decidi que, na medida do possível, eu ia cumprimentar diariamente os aniversariantes. E essa simples ação tem me feito muito bem, pois é uma forma de retribuir um pouco o carinho com que todos os amigos têm demonstrado por este simples cidadão que lhe escreve.

Assim também, tenho um amigo que, depois de conhecer a vida e a obra de um poeta da periferia, passou a cumprimentar diariamente seus amigos no Facebook com “poesia, gentileza, gratidão e amor”.


Com essas simples ações, a vida tem nos presenteado com “harmonia e reumanização”. A todos, o nosso sincero “muito obrigado!” 
+