Surfando no caos

Construindo-me nos restos dos múltiplos desejos
Galera do Complexo, entrei em estado êxtase na tarde ontem. Sexta-feira, 02 de maio. Por volta das 15hs, o trânsito ainda estava uma maravilha. Gostoso de imaginar. Essa ponte que alguns fizeram com feriado da quinta foi sensacional.

Mais tarde, por volta das 17h30, o trem desandou feio. Estava voltando de umas paradas lá na Savassi, tudo agarrado. Um verdadeiro caos. Não estava nem aí com as manifestações e coisa e tal.

Surfei legal, ao som das reclamações, as buzinas, a galera querendo chegar à casa da rotina para ter mais tempo....e  ficar diante da televisão, agarrado nas redes sociais. E eu, meu irmão, achando tudo aquilo o maior barato.

Não. Eu não estava bêbado, muito menos drogado. Como sabem, a cidade é a minha maior rede social, a rua é o rio que me corta. As pessoas em trânsito movimentam-me, carregam-me para um delírio. Na linha do Zero à direita, é a rua que me compõe. Em farelos, ela me põe na mira dos devaneios.
Bom sábado!


Farelos por aí......

Imagem disponível em: http://3.bp.blogspot.com/-ay1ywOQI9mk/T-5a_6nN9HI/AAAAAAAAIDQ/b78v-eyy7Uc/s1600/ZZ025BDEC4.jpg
+