Quer ganhar um livro do Sérgio Vaz?

Há uma estória atravessada entre os críticos literários e pessoas da área editorial cuja reza é que o número de poetas é maior do que o de leitores do gênero poema. Já comentei aqui, outras vezes, que a quantidade de concursos na área de poesia é bem maior em ralação aos outros textos da literatura. Você pergunta: "e daí?" 

O lance é outro. A poesia é, talvez, o gênero mais popular de todos os tempos. Ela está em todos os lugares, é para todas as classes e, às vezes, transforma o sem classe. É para ser lida em voz alta, sentida no calor das horas, questionada nas interrogações do quadro, para ser compartilhada, é a ... Assim como escrevo, diariamente; meu amigo Paulo Fernandes faz o mesmo, porém compartilha nas redes sociais os versos do Sérgio Vaz. 

Ao abrir o meu facebook, fico muito feliz por receber dele a poesia do Vaz. Fico muito grato por ter lhe apresentado a obra do Oswald de Andrade da Periferia. Mais contente ainda com a iniciativa de presentear seus amigos com poemas, nessas manhãs de primavera. 


Depois da gratidão, a novidade. A ideia é a seguinte: sortear para os novos leitores do Sérgio Vaz o livro "Colecionador de pedras". O que acha da proposta, Paulo Fernandes? Avise-me logo, que vou conseguir o livro.  

Então tá... 
+